quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Meu José.





'' (...) Se você gritasse,

se você gemesse,

se você tocasse

a valsa vienense,

se você dormisse,

se você cansasse,

se você morresse…

Mas você não morre,

você é duro, José ! (...) ''



11 anos e eu te amo.

As pessoas são banais, ou estão banais, o que eu quero dizer é que as coisas importantes e legais que ainda existem são muito banalizadas, por exemplo, você sabe qual é o verdadeiro sentido da palavra amizade ? Então, eu com certeza sei, e eu posso dizer que sim, eu tenho uma melhor amiga.

Em toda hora boa, ela sorriu comigo, em cada hora de desespero ela correu comigo, cada medo meu ela riu, mas me ajudou e me acalmou, de tudo o que é ruim ela me protegeu, de tudo o que a gente não gosta ela esqueceu. Em tudo o que eu mais gostei na vida ela esteve presente, ou mesmo quando não esteve lá, se fez presente; E só de pensar que um dia pode não ser mais assim meus olhos se enchem de lágrimas, das mais sinceras lágrimas, de amigas.

Se tem uma coisa no mundo que eu odeio mais que gente hipócrita e impressoras é o meu medo. Meu medo de falar, de ser gentil, de me expressar, de me abrir, de demonstrar meus sentimentos, de me magoar, de ser eu mesma. Mas com ela, eu consigo perder todo meu medo, consigo relaxar, sorrir de verdade, falar de verdade, enfim.

É por tudo isso, e por tudo o que ela já fez por mim, por todos os nossos momentos (sejam bons ou ruins) juntas que eu escrevo isso, pra de certa forma agradecer, e dizer que ela é uma chata e me irrita muito, mas só eu , SOMENTE EU , posso falar assim com ela.

Ela é minha melhor, e ao contrário do que muitos falam, ela é a irmã que eu SEMPRE tive. E isso é o que eu chamo de amizade, amizade de verdade, sem essas banalizações de atualmente.


Rafaella


Dedicado a Tatiana, que mesmo com tantos defeitos tem a melhor das qualidades: me aguenta há 11 anos, apenas. Espero que sejam apenas...

quinta-feira, 2 de setembro de 2010

mania.

Queria fazer uma música pra você

Mas eu não sei o que dizer

Quero expressar o amor

Já não nego mais

(não faz mais sentido)

Você deve saber

Do que eu sinto por você

Me falta coragem pra te falar

Mas eu já não escondo mais

Não quero nada que me faça mal

Nem precisa fazer bem

Só quero que exista alguém

Que precise que eu exista também

Isso é só uma canção

Não precisa ser real

Eu invento amor

E ele já é banal

Meu coração não se engana mais

Com essa coisa de tanto faz

Quando você me deixar

Eu não vou nem ligar

Vou achar alguém pra inventar de amar

(outra vez)

Não quero nada que me faça mal

Nem precisa fazer bem

Só quero que exista alguém

Que precise que eu exista também


(Rafaella)